Como um jovem, de 37 anos, enfrenta os desafios da distonia

O paulistano Raphael Nishimura, 37 anos, convive com a distonia desde os 8 anos de idade. Foram inúmeros remédios, tratamentos e médicos para tentar controlar a condição, que provoca espasmos musculares involuntários. Quando um médico recomendou um esporte como terapia, Raphael encontrou a escalada e, desde 2007, supera obstáculos ainda maiores do que aqueles impostos pela distonia. (mais…)

Leia Mais

os desafios da distonia para Raphael Nishimura